Um blog de corredores, para corredores

domingo, 12 de julho de 2009

Meia Maratona de Brasília

Conclusão: foi difícil. Muito mais que a Meia Maratona do Rio. Sinceramente, eu esperava ter corrido melhor. Mas não consegui. Meu tempo final líquido deve ter dar duas horas e vinte minutos ou algo parecido. Gastei 11 minutos a mais para concluir 21Km do que na meia do Rio. Acho que isto talvez tenha ocorrido devido a alguns fatores:
  1. No Rio, eu corro ao nível do mar, no calçadão da praia de Copacabana, com nenhum esforço em subidas e/ou descidas;
  2. A umidade do ar em Brasília nesta época está muito baixa.
  3. O percurso desta prova foi muito cheio de sobe e desce. E realmente, eu não estava preparado para isto. Na meia maratona do Rio, posso afirmar que o trecho com maior aclive é a Avenida Niemeyer sendo que todo o resto é plano (ou quase).
Entretanto, mesmo com este resultado ruim, ainda fui melhor que na minha primeira meia maratona aqui em Brasília, quando concluí no tempo de 02:38:57. Avaliando por este lado, melhorei meu tempo nos 21Km de Brasília em 19 minutos, em relação a minha primeira meia. E isto é legal! :-) Mas não dá pra comparar muito pois o percurso que fiz na primeira vez foi totalmente diferente. :-( Antes da largada, algumas fotos:
Quiosque de retirada do chipPodiumSanitários! Sim :-( Sanitários!!!Quiosque da massagem
Quiosques de equipesGuarda volumesPRF: o aniversariante de 81 anosLargada/chegada
Indo para a concentraçãoFaixa da largadaConcentraçãoVídeo da concentração
A estrutura não foi a mesma que a de uma grande prova em São Paulo ou no Rio e a quantidade de participantes também é bem menor. Mesmo assim a estrutura estava boa, mas com um erro grave: a falta de banheiros químicos obrigou as pessoas a utilizarem a estrutura do MJ. Ponto negativo. Mas fora este fato, o restante estava legal. A largada e os primeiros 10Km foram ótimos. Conclui esta distância em 58 minutos.
Não faltou água e tudo estava ok. Mas senti falta da distribuição de algum gel de carboidrato (como na meia do Rio). Para mim, o mais difícil desta prova foi a subida na rua das embaixadas. Daí em diante, meu rendimento caiu muito.
O vigésimo e último kilômetro, parecia não acabar nunca! E mesmo trotando devagar, não andei por um kilômetro sequer.
Mas enfim, cheguei e recebi a merecida medalhinha...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi, obrigado por querer comentar! Nós estamos moderando os comentários para evitar mensagens indesejáveis ao grupo. Mas, não se preocupe! Se você não for um comment spam ou ofensor, teu comentário será rapidamente enviado para os membros deste grupo, aprovado e publicado! Agradeçemos a compreensão! :-)